3 coisas que você precisa saber sobre a criatividade

3 coisas que você precisa saber sobre a criatividade

Você dá valor à criatividade em seu negócio ou ambiente de trabalho? Se sua resposta não foi um grande e enfático “sim”, saiba que está na hora de repensar sua postura. “A criatividade é geralmente negligenciada. As pessoas de negócios tendem a pensar que o que elas fazem é algo muito planejado, muito organizado, muito estratégico, e é claro que deveria ser, mas os negócios não poderão prosperar, especialmente sob condições de competitividade moderna, sem inovação, e a inovação depende da criatividade”, afirma a professora da Universidade de Harvard Teresa Amabile, especialista em criatividade.

Amabile, que pesquisa sobre criatividade há mais de 35 anos e é autora do “The Progress Principle”, livro referência em criatividade corporativa, falou sobre o tema na nova temporada do “Leadership: a Master Class”, disponível para assinantes do Administradores Premium. Abaixo, elencamos alguns pontos fundamentais para entender a criatividade, de acordo com Amabile:

1. A criatividade não é um mistério

 Devemos à criatividade alguns dos maiores progressos da humanidade. Por ser uma força tão forte, acabamos criando ao redor dela uma aura de mistério. A verdade é que ela é bem simples. “Criatividade é a produção de tudo, seja uma ideia, um produto tangível, um desempenho, tudo que é moderno e adequado. Nos negócios, criatividade é fazer algo diferente do que já foi feito, algo que contribua para uma finalidade válida”, afirma a professora Teresa Amabile.

2. A criatividade nasce em qualquer lugar

É um mito a ideia de que a criatividade ocorre apenas na área das artes. “Criatividade pode acontecer em qualquer domínio de esforço humano, em geral, contanto que as pessoas estejam fazendo algo novo que funcione, que seja possível”, explica a especialista.

3. É preciso conhecimento para ser criativo

Amabile defende que, para ser criativo, é preciso primeiro ter um conjunto de habilidades. “Você nunca será capaz de ser inovador em física nuclear a menos que você saiba algo, provavelmente muito, sobre física nuclear. Então você deve ter aprofundamento na
área que você trabalha, seja nas artes, matemática, marketing, qualquer que seja”, afirma. A especialista conta que esse aprofundamento depende de talento, algo que nos é parcialmente inato, mas que também depende muito de experiência, e de treinamento, seja formal ou informal.

Fonte: Administradores

Nenhum Comentário »

No comments yet.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URL

Leave a comment