Diversidade no ambiente de trabalho: por que é importante?

Diversidade no ambiente de trabalho: por que é importante?

É preciso entender que a falta de diversidade é um problema para uma empresa e demonstra, inclusive, que ela pode não atuar da maneira mais efetiva possível no mercado. A McKinsey, uma empresa de consultoria empresarial americana, realizou um estudo e constatou que organizações que consideram a diversidade no recrutamento entregam resultados 25% melhores do que organizações “não-diversas”.

No entanto, a questão da diversidade vai muito além de entregar resultados melhores. A diversidade envolve não apenas como as pessoas se percebem, mas como elas percebem o outro. Essa percepção afeta e encaminha as suas interações e relações. Aos profissionais de RH/gestores de pessoas cabe a criação de estratégias que tornem mais mais eficazes a comunicação, adaptação e mudança entre os colaboradores.

A importância da diversidade no ambiente de trabalho

Entender a importância da inclusão no mundo corporativo significa entender a importância do respeito e da valorização das diferenças. Apostar em diversidade é apostar em enriquecimento cultural para a empresa. Pessoas com diferentes origens, crenças, etnias, classes sociais, entre outros, quando parte de um mesmo propósito, podem compartilhar ideias e visões tão diferentes – e ricas – e encontrar soluções que não seriam possíveis se todos tivessem vivências parecidas.

Refletir sobre diversidade exige disposição para revisão de crenças, abertura a novos aprendizados, desenvolvimento da empatia e também alguma resiliência. Sim, pode parecer que exige um trabalho imenso, mas os resultados compensam e excedem a dimensão do ambiente de trabalho. Profissionalmente, a presença da diversidade está associada a melhores resultados, mais criatividade, clima inclusivo e diminuição de rotatividade. Pessoalmente, pode-se perceber colaboradores mais satisfeitos com seus empregos e mais dispostos a transmitir mensagens de respeito às diferenças em todos os ambientes que frequentam, da família às redes sociais.

Um ambiente com diversidade e abertura às diferenças também faz com que os conflitos, que muitas vezes atrapalham a produtividade e a eficiência, sejam menos frequentes. Nosso estudo mostra que nas empresas onde a diversidade é reconhecida e praticada, a existência de conflitos chega a ser 50% menor que nas demais organizações.

Os desafios e o papel dos líderes

Cada companhia tem sua cultura, o que significa que nem todas possuem a multiculturalidade como identidade básica da empresa. Por isso, antes de começar é imprescindível que seja feito o trabalho de conscientização, de mudança de cultura organizacional. A comunicação pode se tornar uma barreira se houverem ruídos ou confusões na emissão ou recepção das mensagens, provocadas pelas diferenças entre os colaboradores.

A resistência às mudanças também pode ser um problema, principalmente por parte de colaboradores que acreditam que não é necessário mudar. Então, para criar um ambiente de abertura e incentivo à diversidade, que abre espaço para inovação e incentiva o alto desempenho, não acontece sem o envolvimento da liderança. Os líderes são os catalisadores desse ambiente mais aberto, produtivo e eficiente. Nas empresas nas quais os gestores são mais bem avaliados por seus empregados, o ambiente de alto desempenho e efetividade também é maximizado em 20%.

Um líder dirigente e visionário, que transmite mensagens de forma clara, que se preocupa com o desenvolvimento de sua equipe, incentiva e reconhece o ambiente de diversidade, faz com que as pessoas tenham suas diferentes habilidades aproveitadas da melhor forma, gerando, assim, melhores resultados para a organização. Esses líderes e funcionários motivados, juntos, conseguem maximizar a eficiência da empresa.

Criar políticas e práticas de gestão, com oportunidades iguais para todos os níveis, políticas de bonificação e planejamento de carreira para todos os cargos, são ações a curto e médio prazo com as quais o RH deve se preocupar, afinal o conceito de diversidade está ligado ao respeito à individualidade dos empregados de uma organização.

Nenhum Comentário »

No comments yet.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URL

Leave a comment