Saúde suplementar “anda de lado” em fevereiro

Saúde suplementar “anda de lado” em fevereiro

A mais recente edição da Nota de Acompanhamento de Beneficiários (NAB) aponta que o mercado de planos de saúde médico-hospitalares voltou a apresentar recuo, mas com tendência para estabilidade, em fevereiro de 2018 na comparação com o mesmo mês do ano passado.

Como divulgamos aqui, o segmento havia apresentado pequeno avanço no período de 12 meses encerrado em janeiro deste ano mas, como alertamos, ainda era cedo para encarar como um processo consistente de retomada, já que o setor perdeu mais de três milhões de vínculos desde dezembro de 2014.

Embora oscilante, a cenário econômico atual é mais positivo do que de anos anteriores e a recuperação da saúde suplementar deve ser lenta e gradual. No entanto, só apresentará crescimento consistente com um movimento sólido de retomada dos empregos formais no setor de comércio e serviços dos grandes centros urbanos, que costuma oferecer o benefício do plano de saúde aos colaboradores.

Com base em números da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), a NAB registrou rompimento de 36,6 mil vínculos com planos de saúde médico-hospitalares nos 12 meses encerrados em fevereiro. O que levou o total de beneficiários no País a 47,4 milhões.

Continuaremos apresentando os dados da NAB nos próximos dias.

Fonte: IESS

Nenhum Comentário »

No comments yet.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URL

Leave a comment