Conheça algumas maneiras de se tornar imune mentalmente e criar a tão esperada resiliência emocional

A imunidade mental é a base para a resiliência emocional. É o que acontece quando condicionamos nossas mentes a não só esperar os pensamentos relacionados ao medo ou aos desafios externos, mas a tolerá-los quando surgirem. É tentar evitar a dor ao criar significados na vida, reconhecendo que os aprendizados fazem parte da jornada de trabalho. E aí, somos capazes de identificar o que precisamos e isso é muito valioso para o desenvolvimento da carreira.

Quando temos esse tipo de imunidade, conseguimos nos tornar observadores dos nossos próprios pensamentos e sentimentos. Sabemos o que não queremos e o que realmente importa. Ao longo do processo de não-resistência, nos tornamos mais capazes de tolerar as ideias que previamente nos assustam.

E que tal conhecer algumas maneiras de se tornar imune mentalmente e criar a tão esperada resiliência emocional?

 

Adote uma atitude vencedora na carreira:

Devemos “treinar” a mente para ser uma pessoa bem-sucedida, nos munindo de pensamentos e percepções positivas, possibilitando sermos mais assertivos nas decisões e escolhas, que irão beneficiar nós mesmos e as pessoas que estão ao nosso lado. E como fazer isso? Motivar-se por meio de conquistas e objetivos é um dos elementos cruciais para atingir uma atitude vencedora, além de sempre rememorar as coisas que já deram certo! Se planeja em detalhe a carreira, tem garra e sente-se impulsionado no trabalho é sinal que é motivado pelos objetivos propostos e suas conquistas.

 

Não se identifique com aquilo que está enfrentando

Muitos profissionais que sofrem com a ansiedade começaram a assumir que o traço faz parte da sua personalidade. Frases como “eu sou ansioso” são bastante comuns, mas não necessariamente verdadeiras. Adotar uma ideia pessoal na identidade significa que você acredita que é assim essencialmente, o que torna a mudança muito mais difícil.

Visualize a mudança

Tenha a vontade de enxergar as transformações, que sempre são necessárias, principalmente na trajetória profissional. Esse desejo de mudança é o primeiro passo de uma variação na carreira.

 

Medo? Deixe-o de lado

Foque a superação, que é o que provoca o fortalecimento do ser humano. Aprender a despender energia no que realmente importa é o que nos faz seguir em frente.

 

Mantenha-se presente

Estar presente e confrontar os sentimentos é essencial para desenvolver força mental e saúde emocional, porque permite responder aos pensamentos e sentimentos em tempo real, ou seja, bater de frente com o que incomoda antes de adotar mecanismos de defesa, tão natural no comportamento humano.

 

Portanto, a resiliência é uma das habilidades mais importantes para o alcance de uma vida bem-sucedida e plena na carreira. Ela é a habilidade que ajuda os profissionais a lidarem com momentos de alta tensão e suportar pressão, além de atuar como blindagem, impedindo que fatores externos causem grandes danos. Pessoas resilientes conseguem lidar melhor com o estresse, com críticas e barreiras encontradas ao longo do caminho sem perder o controle emocional. E isso é um grande avanço para a trajetória profissional!

Fonte: Exame

Nenhum Comentário »

No comments yet.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URL

Leave a comment